Escritório Geral:

endereço:

fone:(69) 3442 6686

e-mail: atendimentoeletrocesar@gmail.com

whatsaap: (69) 98484 8012

© 2020 grupocesarcassol.com.br

criado por OMS Comunicação

“Nada é impossível para quem tem coragem. O trabalho é o segredo do sucesso do nosso Grupo. Acredito em Rondônia, acredito no Brasil e podemos contribuir para um mundo melhor, produzindo alimento e gerando energia limpa. 

Cesar Cassol

Sobre as Hidrelétricas

O Grupo Cesar Cassol conta com duas Usinas Hidrelétricas. A Usina Primavera foi a primeira a ser construída, inaugurada em 2007  esta obra movimentou divisas significativas para a região de Primavera de Rondônia onde está localizada. Em plena atividade, a Eletroprimavera gera mais de 300 empregos diretos e indiretos. Já a Usina Cesar Filho, segundo investimento no setor energético empreendido pelo Grupo, iniciou sua operação em 2015 e localiza-se na cidade de Parecis. Ambas no estado de Rondônia, encontram-se em pontos estratégicos para atendimento da demanda Nacional de Energia.

Hidrelétrica Primavera

 

A Primeira usina do grupo Cesar Cassol foi a P.C.H. Primavera, construída no ano de 2001 e situada no município de Pimenta Bueno, estado de Rondônia. Em pouco tempo a Pequena Central Hidrelétrica ampliou sua capacidade de produção para 18,2 mil kw, e tornou-se a Eletro Cesar Energia, hoje a segunda maior geradora da chamada “Energia Limpa” de Rondônia.

Hidrelétrica Cesar Filho

 

No ano de 2015, o Grupo Cesar Cassol expandiu seus negócios no setor energético e a Hidroelétrica Cesar Filho, a segunda Usina do grupo, que tem capacidade de geração de 8 MW de energia, o empreendimento foi construído no Município de Chupinguaia sobre o Rio Taboca e faz parte do Sistema Nacional Interligado, produzindo eletricidade para todo país. 

Sustentabilidade:

A Eletro Cesar Energia tem um projeto de resgate de carbono aprovado pela Organização das Nações Unidas (ONU). É uma das poucas empresas brasileiras a ostentar tal condição, contemplada pelo protocolo de Kioto, que prevê a redução da emissão de carbono na atmosfera. O projeto, aprovado pela ONU, é intermediado pela empresa Eco Security, sediada no Rio de Janeiro, que faz a compensação do carbono com pagamento de títulos. Em 2007, o empresário aprovou o mesmo projeto no Ministério da Ciência e Tecnologia, que coordena essas ações com apoio de outros organismos governamentais.
Além de produzir a “energia limpa”, as Hidrelétricas do Grupo Cesar Cassol também cumpre seu papel com o meio ambiente, mantendo projeto de reflorestamento de áreas degradadas, criação de peixes cujas matrizes foram retiradas do rio atingido pela barragem, e a criação de animais silvestres, a exemplo de capivara, anta e várias espécies de macaco.